esfera logo 12.png

eSFERA

 por Vig Morã

Em Fotos: Ato contra PL490 que estabelece o Marco Temporal, Belo Horizonte, 30 Junho 2020.

Regitros do ato de 30 de Junho em Belo Horizonte contra a PL490 e o Marco Temporal, uma medida defendida pela bancada ruralista e setores interessados na exploração das terras indígenas, promovendo diretamente o extermínio de suas identidades étnicas e culturais assim como o meio ambiente.

Trata-se de uma emergência Sócio-Ambiental. Se aprovado o Marco Temporal, indígenas que conquistaram o direito às suas terras após 1988, ano da Constituição Federal Brasileira, arriscam perdê-lo, e os indígenas que já tinham perdido as suas terras antes dessa data perderiam o direito de revindicá-las perante a lei.


Em 2010, 40% dos indígenas no Brasil viviam fora de seus territórios. (IBGE último censo disponível)


Vídeo:



#somostodosindios #vidasindigenasimportam #ForaGenocida #ForaBolsonaro #ecocídio #genocidioindigena

Fotos: Vig Morã

Com Avelin Buniacá Comitê Mineiro de Apoio ás Causas Indígenas e integrantes da aldeia Katorãma, Brumadinho, MG.

33 visualizações0 comentário